Entenda por que a Medicina Veterinária está investindo cada vez mais na nutrição funcional

Entenda por que a Medicina Veterinária está investindo cada vez mais na nutrição funcional

Por: Dra. Rute Mercurio

Se existe uma verdade válida para qualquer ramo de negócio é a de que precisamos estar sempre antenados às novidades que vêm chegando. Correto?

Este período de pandemia nos mostrou que, agora mais do que nunca, quem não se atualiza acaba caindo feio do cavalo.

E, dentro da área da saúde animal, esta verdade não é diferente, sendo que os profissionais que atuam em clínicas e hospitais veterinários vêm se deparando com cada vez mais desafios nas suas rotinas de atendimentos, principalmente devido a tutores cada vez mais exigentes em relação à saúde e ao bem-estar de seus animais.

Dentro deste contexto, tanto o entendimento quanto a adoção da nutrição funcional vêm se tornando cada vez mais essencial no ramo veterinário.

O termo “nutrição funcional” pode ser completamente novo para você, mas se você já tomou chá de boldo para se livrar de uma dor de cabeça, ou se já comeu mamão ou ameixa para conseguir ir ao banheiro, ou se já tomou água com limão pra se livrar de uma “queimação”, saiba que, mesmo sem conhecer este termo, você já usou nutrição funcional na sua vida.

Isso porque a nutrição funcional nada mais é do que a utilização dos nutrientes presentes nos alimentos com o intuito de corrigir algo que está errado no corpo ou de prevenir que algum problema apareça no seu organismo.

A nutrição funcional vem ganhando muita força e credibilidade de uns tempos pra cá, com um mercado forte focado na venda de produtos naturais com propriedades anti-inflamatória e antioxidantes.

Consumidores cada vez mais fiéis a estes produtos com o intuito de adquirir um estilo de vida mais saudável e com pesquisadores cada vez mais interessados nos benefícios que determinados nutrientes podem trazer à saúde.

Devido a sua relevância, na nutrição humana, com resultados comprovadamente eficazes, a área de saúde animal também começou a entrar na onda da nutrição e a suplementação funcional, que está ganhando cada vez mais importância na Medicina Veterinária e crescendo até mais do que a nutrição humana, mostrando sua importância não só no controle do peso dos animais de produção e de estimação, mas também como um fator determinante tanto na prevenção de diversas doenças quanto ao sucesso de um tratamento clínico.

Neste contexto, profissionais inseridos no mercado veterinário estão voltando cada vez mais a sua atenção aos benefícios da utilização da nutrição funcional na Medicina Veterinária, promovendo pesquisas na área para garantir maior respaldo científico e elaborando suplementos e dietas voltados para a nutrição funcional, com fórmulas mais equilibradas nutricionalmente e princípios ativos de qualidade.

Dentro do campo de dietas especialmente formuladas, encontramos as dietas específicas para a nutrição clínica, também conhecidas como dietas hospitalares, que são capazes de promover uma recuperação mais eficiente de animais internados e atuar na prevenção de problemas recorrentes na rotina clínica veterinária.

Vale ressaltar que existe uma grande diferença entre dietas hospitalares, que são dietas que devem ser administradas principalmente durante os períodos de recuperação e internação do animal; e as rações comerciais, que podem ser descritas como dietas de rotina e não são ideais para animais com problemas de saúde.

Uma dieta hospitalar veterinária ideal deve conter alta palatabilidade, o que vai favorecer a aceitação do animal, consistência adequada, para facilitar a ingestão ou administração via sonda, além de maior teor de nutrientes que a dieta comum, elevada digestibilidade e absorção, para garantir maiores benefícios ao organismo do animal, sendo que estas três últimas características só serão encontradas em produtos de alta qualidade.

Ora, mas por que a dieta hospitalar tem de ser diferente da dieta comum? Muitos tutores e até mesmo alguns veterinários torcem o nariz para dietas especiais, principalmente por causa do preço. Para entender a importância da dieta hospitalar da melhor maneira possível, vamos comparar um animal doente a um carro quebrado movido a gasolina.

Se você quiser que um carro quebrado volte a andar, pode ser preciso que você faça inúmeros reparos, como desamassar a lataria, trocar o óleo, trocar e encher os pneus, consertar o motor, trocar o estofamento, etc… Entretanto, se você fizer todos estes reparos necessários para consertar o carro e se esquecer de colocar gasolina, ou se colocar álcool no lugar da gasolina, ele vai continuar sem funcionar, correto?

O mesmo acontece no organismo de um animal doente. Pode ser necessária a utilização de antibióticos, anti-inflamatórios e até mesmo uma intervenção cirúrgica para a recuperação do animal, mas se não houver o fornecimento do combustível correto para o bom funcionamento do organismo dele, a recuperação do animal vai ser muito mais demorada, ou pode até ser que o animal nunca se recupere.

Portanto, a utilização de dietas específicas para a recuperação de animais enfermos pode ser considerada um dos principais fatores responsáveis pelo sucesso de um tratamento, além de ser uma opção extremamente válida para animais idosos, que apresentam maior dificuldade de se alimentar.

E por que investir em produtos voltados para a nutrição funcional? Na realidade, quando uma clínica ou um hospital veterinário investe numa dieta hospitalar de qualidade, todo mundo sai ganhando.

Isso porque, em primeiro lugar, um dos principais motivos para se fazer a escolha correta da dieta é a garantia de uma recuperação mais rápida e consistente do animal, que terá maior qualidade de vida devido ao reestabelecimento do equilíbrio imunológico e da saúde do organismo. Além disso a utilização de dietas e suplementos é uma forma de tratamento mais natural e com menos efeitos colaterais, sendo, portanto, mais segura e até mais barata do que a maioria dos tratamentos convencionais.

Em segundo lugar, a utilização da dieta correta irá garantir também a satisfação do tutor que, além de ver seu animal recuperado, também poderá gastar menos tempo e dinheiro com outros medicamentos que podem se tornar desnecessários devido ao uso da dieta adequada.

E, por último, mas não menos importante, a adoção da nutrição funcional irá favorecer o médico-veterinário que, por ganhar maior credibilidade devido ao sucesso dos seus tratamentos, com recuperações mais rápidas e consistentes, também pode aumentar de quebra a quantidade de futuros clientes.

Além disso algumas dietas hospitalares presentes no mercado possuem fórmulas neutras, que se adequam a qualquer tipo de enfermidade, desde um animal diabético até um animal com problemas renais, sendo possível fazer combinações com demais suplementos para garantir um tratamento completo ao animal.

Agora que já foi provado que, além de serem indispensáveis na rotina clínica de profissionais modernos, a adoção das dietas hospitalares também possuem inúmeros benefícios, você ainda tem dúvida de que vale a pena conhecer e investir mais em produtos deste tipo?

Caso você tenha-se convencido da importância da nutrição funcional, saiba que, tendo em vista a crescente importância desta área, existem empresas do ramo veterinário especializadas em nutrição funcional, com produtos de alta qualidade e eficácia comprovada, fornecendo maiores possibilidades de escolha aos compradores. Mas lembre-se que existem muitas marcas que oferecem produtos de qualidade duvidosa e é preciso estar sempre atento à qualidade da matéria-prima utilizada para sempre garantir a melhor aquisição possível!

Dra. Rute Mercurio é Nutricionista Clínica Funcional certificada pelo Institute of Functional Medicine in Applying Functional; Medicine in Clinical Practice – AFMCP; pós-graduada em Nutrição Funcional pela VP Consultoria; pós-graduada em Nutrição Ortomolecular pela FAPES; pós-graduada em Nutrição Clínica pelo GANEP; professora do curso de pós-graduação da fisiologia da Nutrição e sócia-fundadora da empresa Ultrabem Cursos para prática clínica na área da saúde.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Outras matérias que você pode gostar

Agora Nossa Edição Digital é Gratuita!

Garanta a sua assinatura e receba mensalmente nossas Edições no Formato Digital

Receba nossas novidades em seu Email

Revista Negócios Pet

A Revista Negócios Pet é direcionada para lojistas de pet shop, escolas de banhos e tosa, clínicas veterinárias e lojas de aquário.É uma vitrine de novidade com produtos e de acessórios mais utilizados pelos profissionais da área, assim podem trabalhar com as melhores marcas do mercado pet.